top of page

O QUE É DIREITO REAL DE LAJE?


direito real de laje

A falta de regularização imobiliária é um dos grandes problemas que afeta o Brasil, principalmente nos grandes subúrbios, onde é comum a construção de imóveis na laje de terceiros, os chamados “puxadinhos”. Nesse sentido, a Lei nº 13.465/2017, veio regulamentar essas construções, instituindo o “direito real de laje”. Em resumo, é o direito de construir um imóvel sobre a laje de outra pessoa.


O Brasil é, sem dúvida, um dos países que mais enfrenta problemas com regularização de imóveis. Isso porque, a urbanização de deu de forma totalmente desordenada, o que desembocou no surgimento de diversas favelas e construções irregulares.


Dentre essas construções irregulares, está a edificação de casas na superfície superior de outros, geralmente dos pais, o que é chamado popularmente de "puxadinho".


Todavia, como esses "puxadinhos" são feitos de forma irregular, não havia, até então, nenhuma proteção jurídica nesse sentido.


Pensando nisso, foi criada a Lei nº 13.465/2017, que incluiu os artigos 1.540-A a 1.510-E no Código Civil, disciplinando e regularizando o direito de construir o imóvel sobre a laje de outrem.


Dentre as principais alterações, está a segurança jurídica conferida à estes construções, onde o interessado terá garantido todos os direitos inerentes à propriedade, inclusive a criaçãod e uma matrícula própria, como se verifica no artigo 1.510-A:


"Art. 1.510-A. O proprietário de uma construção-base poderá ceder a superfície superior ou inferior de sua construção a fim de que o titular da laje mantenha unidade distinta daquela originalmente construída sobre o solo.
[...]
§ 3 o Os titulares da laje, unidade imobiliária autônoma constituída em matrícula própria, poderão dela usar, gozar e dispor."

Então, em resumo, a partir de 2017, todos os imóveis construídos a partir da laje de terceiros possuem regulamentação e proteção legal, onde o dono terá, além de matrícula própria, todos os direitos reais, gozando plenamente da sua propriedade.







Gostou do conteúdo? Espero que sim!


Se ficou alguma dúvida, clique aqui para conversar comigo.


Também estou disponível no INSTAGRAM, FACEBOOK, YOUTUBE e SPOTIFY e outros streamings de podcast.


Por Felipe W. Dias.


Em breve disponível no youtube, spotify e principais streamings de podcast.


bottom of page